Diferença entre comunicação oral e falar em público (com tabela)

Mere things like buying vegetables or buying clothes involve communication; hence, it is a basic and important aspect of our lives. The Latin word “communicare”, meaning “to share”, was abbreviated, which is now used in English literature as “communicate”. It is the act of developing meaning among groups with the proper use of signs and symbols. Amongst types of communication, one is oral communication which is further categorized, and one of them is public speaking.

Comunicação Oral vs Falar em Público

A diferença entre comunicação oral e falar em público é essa; é chamada de comunicação oral quando alguém compartilha informações, ideias e pensamentos verbalmente. Em contraste com isso, falar em público é um tipo de comunicação oral.

A comunicação oral é um processo no qual o falante e o ouvinte trocam ou se comunicam verbalmente; em suma, dá feedback imediato. Mas nem sempre é confiável, pois não há evidências legais. O relacionamento aqui é basicamente informal.

On the contrary, public speaking involves a live audience. It is a form of verbal communication that can either maintain a formal or informal relationship with the audience. The talk or the speech has nothing to hide and hence is reliable.

Tabela de comparação entre comunicação oral e falar em público

Parâmetros de comparaçãoComunicação oralFalar em público
DefiniçãoÉ um processo em que um falante e um ouvinte se comunicam verbalmente.É o mesmo processo, mas envolve uma audiência ao vivo.
SignificadoPara comunicar com eficácia e definir um tom.Para informar e motivar as pessoas e para conquistar a multidão.
DistorçãoPossibilidade comparativamente menor de distorçãoAlta possibilidade de distorção.
AlfabetizaçãoPode ser analfabeto.Nem um pouco necessário
TomGeralmente formal.Geralmente informal.

O que é comunicação oral?

A comunicação oral é uma forma de comunicação verbal. Para compartilhar ideias, pensamentos e informações, palavras faladas são usadas. Indivíduos conversando um a um, diretamente ou por telefone, é um exemplo de comunicação oral.

Ajuda a definir a realidade, a organizar ideias e experiências, a partilhá-las e também a moldar a nossa atitude perante o mundo. A comunicação oral é usada em reuniões ou encontros onde uma explicação oral é necessária e mesmo quando a relação direta é obrigatória. Fornece feedback imediato, desenvolvendo um relacionamento entre o orador e o ouvinte.

Na maioria das reuniões profissionais, a comunicação oral é recomendada, pois aumenta o nível de compreensão e também a transparência, além de gerar confiança. Existem cinco tipos de comunicação oral em

  1. Elevator pitch
  2. Conversas formais
  3. Conversas informais
  4. Apresentações de negócios
  5. Discursos

A comunicação oral economiza tempo, pois permite que o indivíduo transmita pensamentos e ideias diretamente. É uma forma de comunicação segura para discutir temas críticos e confidenciais, pois o risco de mal-entendidos é baixo. Uma das vantagens importantes da comunicação oral é que ela ajuda na resolução de conflitos.

O que é falar em público?

Falar em público, muitas vezes denominado oração, é uma forma de se comunicar verbalmente para uma audiência ao vivo. É um tipo de comunicação oral que se desenvolveu inicialmente em Roma e na Grécia. Os então proeminentes pensadores dessas terras contribuíram muito para o desenvolvimento e a evolução da oratória.

The objectives of public speaking are diverse; the primary objective is to motivate, inform and educate the audience. The secondary objective is to entertain. The art of public speaking was termed as ‘rhetoric’ by the Greeks, and it was defined by Aristotle as ‘the faculty of discovering, in any case, using the available means of persuasion.

Falar em público desempenha um papel crucial no mundo profissional, pois aproximadamente 70% de empregos envolvem uma ou outra forma de falar em público. Boas habilidades para falar em público criam oportunidades e também aumentam a qualidade da vida pessoal e social. Dizer provérbios é um aspecto importante da boa habilidade de falar em público, pois ajuda a transmitir mensagens com mais facilidade.

Walter J. Ong estudou e identificou formas distintas de cultura oral primária - as expressões são coordenadas, agregativas e agonisticamente tonificadas, em vez de subordinadas, analíticas e cooperativas.

Principais diferenças entre comunicação oral e falar em público

  1. A comunicação oral pode ser realizada com ou sem a presença de uma audiência ao vivo. Em outras palavras, pode ser telefônico também. Por outro lado, o aspecto principal de falar em público é o envolvimento de uma audiência ao vivo.
  2. A comunicação oral é geralmente profissional e é preferida por profissionais para estabelecer um tom e se comunicar de forma eficiente, enquanto o objetivo de falar em público é informar, motivar e convencer as pessoas.
  3. Falar em público tem uma taxa maior de distorção, ou seja, um falante pode blefar apenas para convencer o público, sem permitir que tenham qualquer prova contra ele. Pelo contrário, a comunicação oral sendo profissional apresenta um índice menor de distorção.
  4. A comunicação oral, em geral, não tem necessidade de alfabetização; pode ser analfabeto, mas não há barreira para a alfabetização quando se trata de falar em público.
  5. Como falar em público envolve uma audiência ao vivo, seja ela grande ou pequena, precisa de interação e, portanto, tem um tom informal, enquanto a comunicação oral é principalmente formal; pode ser informal também.

Conclusão

Comunicação oral e falar em público são freqüentemente usados de forma intercambiável, o que é um erro básico, já que falar em público é um tipo de comunicação oral, embora tenha suas próprias características diferentes da anterior. Falar em público envolve uma audiência ao vivo que dá feedback espontâneo e genuíno, contraditório à comunicação oral; aqui, o feedback pode ou não ser genuíno.

Falar em público significa literalmente falar com o público, envolvendo uma multidão maior, pois o fator de alfabetização é eliminado. Como o tom é informal, o público não se intimida e pode se manifestar sobre o tema. A audiência para a comunicação oral é comparativamente baixa, pois geralmente é confinada a pessoas letradas e, portanto, torna mais fácil transmitir os pensamentos.

Comunicação oral e falar em público têm suas próprias vantagens e desvantagens, mas uma coisa comum é - para um indivíduo se destacar em um ou ambos requer muita prática.

Referências

  1. https://books.google.com/books?hl=en&lr=&id=PpLYi2jbNB4C&oi=fnd&pg=PA1&dq=oral+communication&ots=_8_1_DmzAI&sig=gGQgy4aLd73syMJRALhMcJRfsnk