Diferença entre filosofia e religião (com tabela)

Os princípios da crença religiosa estão além da contestação da arena, mas as teorias filosóficas encorajam o pensamento ativo e o raciocínio lógico a serem os guias que revelam as verdades ocultas do universo e da existência humana.

As questões existenciais são interrogadas pelo pensamento crítico dentro da disciplina da filosofia, enquanto a religião impõe certas doutrinas indiscutíveis em seus seguidores. A fé é o princípio definidor de todas as ordens religiosas.

Filosofia vs Religião

A diferença entre filosofia e religião é que enquanto a religião é baseada em um conjunto de crenças e dogmas inquestionáveis sobre a existência humana pertencentes ao sobrenatural, a filosofia abrange as doutrinas que lançam um inquérito sobre a verdade do mundo ao nosso redor e a realidade de nossa existência .

Tabela de comparação Entre Filosofia e Religião

Parâmetros de comparaçãoFilosofiaReligião
DefiniçãoA disciplina da filosofia é baseada em um inquérito para descobrir as verdades da existência humana e do universo.A religião é um conjunto ideológico de dogmas, baseado na fé sobre o criador sobrenatural da raça humana e do universo.
Apresentações RitualísticasOs rituais não são parte constituinte das doutrinas filosóficas.  Os rituais são considerados parte indispensável das ordens religiosas.
Valores OrientadoresA disciplina de filosofia é baseada no pensamento lógico que é guiado pelos princípios da racionalidade.A religião é baseada na fé inquestionável e na crença nas doutrinas existentes.
Força das DoutrinasA força dos princípios filosóficos é comparativamente limitada. As doutrinas religiosas são extremamente poderosas para exigir coesão social.
Resposta às questões centraisEncoraja os indivíduos a buscar verdades universais, fazendo deduções lógicas.Ele fornece a seus seguidores certas respostas dadas aos dilemas centrais de nossa existência.
Crença no Sobrenatural e no SagradoO sobrenatural não é um tópico importante de contemplação. A dicotomia sagrado-profano não existe.Os credos religiosos estão centrados na crença em uma entidade sobrenatural. Sagrado é sacrossanto nas doutrinas religiosas.
Importância dos mitosOs mitos não são importantes na filosofia, pois se baseiam em deduções tangíveis.Os mitos são importantes nas doutrinas religiosas.

O que é filosofia?

Filosofia é uma disciplina que se dedica a desmascarar as verdades da natureza humana, existência e realidade universal. Derivado da palavra latina 'philosophia ' meaning the love of wisdom, logical thinking, reason, and rationality are the central pillars of any philosophical theory.

Socrates is renowned as the father of philosophy for his unparalleled contribution to the discipline. The doctrines of philosophical thinking propel humans to question the fundamental truths of our existence, knowledge, mind, values, and morals.

Ethics, Aesthetics, Logic, Metaphysics, and Epistemology are some of the important- but not exhaustive- subdivisions within the broader philosophical umbrella. Religion is often classed by some as a part of the philosophical–metaphysical- line of inquiry. However, there are several differences between the two.

Ao longo dos séculos, a filosofia evoluiu para várias escolas e tradições notáveis em todo o mundo, incluindo existencialismo, idealismo, positivismo, utilitarismo, empirismo e outros. Isso é atribuído à contribuição inestimável de alguns baluartes filosóficos como Aristóteles, Descartes, Kant, Platão, Hegel e outros.

Qual é a religião?

Os dogmas religiosos definem a relação entre os humanos e o reverenciado mundo do sagrado. As ideologias religiosas baseiam-se na distinção valorizada entre o sagrado e o profano. O criador sobrenatural do universo faz parte do reverenciado mundo sagrado.

Os princípios religiosos delineiam a natureza do Mundo Divino e da existência humana. Os humanos freqüentemente recorrem às doutrinas religiosas em tempos turbulentos para acumular coragem e força. As primeiras formas de religião remontam ao culto à natureza ou ao naturismo.

Religions that propound the belief in one Supreme God are known as Monotheistic religions- like Christianity and Islam- while those that worship multiple Gods are known as Polytheistic religions- like Hinduism and the Greek Religion.

All religions are grounded in the unquestioning faith of their followers upon the propagated principles. A religious community cannot sustain itself without the unwavering conviction on the preached gospels of truth. Rituals like offerings, prayers, devotional meditation, following religious prescriptions, and proscriptions are a significant part of all religious orders.

Os valores religiosos são modalidades essenciais de controle social indireto na maioria das sociedades. Contribuem para a solidariedade e coesão social, mas também afetam os códigos de conduta ética prevalecentes nas sociedades. Os códigos morais costumam ser inspirados por crenças e princípios religiosos predominantes.

Principais diferenças entre filosofia e religião

  1. A principal diferença entre filosofia e religião é que a primeira engloba deduções lógicas feitas sobre a natureza da realidade humana e do universo por avaliações críticas ativas, enquanto a religião representa um determinado conjunto de crenças indubitáveis sobre o sobrenatural que são conscientemente aderidas e embebidas por seus seguidores.
  2. A segunda diferença notável entre os dois pode ser declarada em termos de performances ritualísticas. Os rituais desempenham um papel significativo na maioria das ordens religiosas. Os rituais estão ausentes da disciplina literária da filosofia.
  3. O ceticismo é inato à estrutura do pensamento filosófico. A filosofia origina-se do questionamento de todas as verdades. Essa forma de ceticismo está ausente dos credos religiosos. A fé é uma parte obrigatória das ordens religiosas.
  4. A ideia do 'Deus' sobrenatural e sobre-humano desempenha um papel essencial na formulação dos dogmas religiosos. O papel do sobrenatural é muito limitado - beirando a ausência completa - na filosofia. A disciplina está preocupada com várias verdades universais e não tanto com a existência ou inexistência do sobrenatural.
  5. As crenças religiosas tendem a ser muito mais rigorosas e firmes do que as doutrinas filosóficas. As crenças religiosas podem se transformar em fanatismo, enquanto as verdades filosóficas não podem inspirar essas paixões voláteis entre seus partidários.
  6. A religião procura fornecer respostas predeterminadas a seus seguidores, enquanto a filosofia os encoraja a discernir respostas apropriadas por meio de contemplações racionais.
  7. Os mitos são considerados uma parte importante das doutrinas religiosas. No entanto, a filosofia não se baseia em tais mitos e lendas.

Conclusão

A relação entre filosofia e religião é freqüentemente objeto de ardente contestação. Alguns propõem a teoria de que a religião tem suas raízes no pensamento filosófico, outros se opõem veementemente a tal postura. Discernir a verdadeira extensão de seu caráter entrelaçado pode ser complicado, especialmente porque existem várias diferenças potentes entre os dois.

O pensamento filosófico se baseia na racionalidade para deduzir as verdades fundamentais sobre a existência humana e nossas realidades vividas. Isso evita principalmente o papel do sobrenatural em tais discussões. No entanto, a religião incorpora postulados bastante contrários. Com base em uma fé inquestionável, a religião tenta fornecer consolo a seus seguidores em tempos de desespero e oferecer respostas aos interrogatórios de nossa existência.

As ordens religiosas são ritualisticamente orientadas para a preservação da fronteira sagrado-profana dicotômica e venerada. Os poderes coesivos de tais doutrinas são incomparáveis. A filosofia descarta quaisquer proposições mitológicas, bem como práticas rituais, enquanto tenta guiar os indivíduos à verdade questionando ativamente todos os aspectos de nossas realidades vividas.

Referência

  1. http://search.proquest.com/openview/377034e4dac3092a02e1bb2dbe6152dc/1?pq-origsite=gscholar&cbl=39453
  2. https://books.google.com/books?hl=en&lr=&id=Z8DytgeDVQAC&oi=fnd&pg=PA211&dq=philosophy+and+religion+differences&ots=l6HIihXzod&sig=1taHkCyjZJFSssqBNII0T1jgKx8