Diferença entre planejamento tributário e gestão tributária (com tabela)

Os impostos são encargos financeiros cobrados pelo governo para financiar o setor público e fazer face a outras despesas. Os países e sistemas econômicos têm seus próprios sistemas fiscais independentes. O não pagamento de impostos é uma infração punível.

Planejamento Tributário vs Gestão Tributária

A diferença entre planejamento tributário e gestão tributária é que o planejamento tributário é um exercício opcional para a aversão tributária, enquanto a gestão tributária é um termo geral utilizado para descrever a prática de pagamento pontual de impostos de acordo com as normas aliadas.

Pessoas físicas e jurídicas devem pagar os impostos cobrados de acordo com as leis dos países. As despesas extras incorridas por indivíduos e organizações na forma de impostos podem ser significativamente controladas por práticas simples. A gestão tributária refere-se à prática de manter e pagar impostos de acordo com as leis e requisitos.

A gestão fiscal envolve uma gestão financeira eficaz para efeitos de tributação. O planejamento tributário, por outro lado, é um método sistemático de aversão tributária. O planejamento tributário permite a economia de impostos, redirecionando o valor tributável para investimentos.


 

Tabela de comparação entre planejamento tributário e gestão tributária (em formato tabular)

Parâmetro de ComparaçãoPlanejamento TributárioGestão Tributária
ObjetivoO planejamento tributário é feito para minimizar a responsabilidade.A gestão tributária é feita para funcionar de acordo com a Lei do Imposto de Renda e as regras aliadas.
RelaçãoO planejamento tributário inclui a gestão tributária.Inclui contas de auditoria, declaração de impostos etc.
Tempoé feito para o futuro.Isso pode ser feito para o passado, presente e futuro.
UsoEle permite minimizar a responsabilidade fiscal a curto e longo prazo.Se bem feito, pode-se evitar penalidades e juros.
RelevânciaÉ um exercício opcional.É essencial.

 

O que é planejamento tributário?

O planejamento tributário é um exercício que visa garantir a eficiência tributária. Os investidores costumam desenvolver um plano tributário para otimizar sua situação financeira de maneira eficiente em termos fiscais. É feito de forma que os recursos disponíveis sejam utilizados de forma adequada e eficiente. O planejamento tributário adequado ajuda os investidores a aproveitar benefícios fiscais e isenção.

O planejamento tributário envolve principalmente o redirecionamento de dinheiro tributável para lugares como planos de aposentadoria ou outros investimentos, isentando-se de obrigações fiscais. Se bem feito, pode ajudar indivíduos e organizações a economizar muito dinheiro. Esse método basicamente ajuda a travar o valor que, de outra forma, seria deduzido do imposto. O valor bloqueado pode ser usado posteriormente em planos de aposentadoria.

O planejamento tributário permite agilizar os retornos adicionando ao planejamento financeiro geral dos indivíduos. O planejamento tributário é legal e feito de acordo com as normas tributárias existentes. O planejamento tributário traz diversos benefícios. Diferentes tipos de planejamento tributário têm diferentes pessoas. Os quatro principais tipos de planejamento tributário são;

  1. Planejamento de Curto Prazo - Planejamento que é executado no final do ano para obtenção de benefícios fiscais.
  2. Planejamento de Longo Prazo - Planejamento que é feito no início do ano e seguido ao longo do ano.
  3. Planejamento tributário proposital - O planejamento tributário proposital é feito com um objetivo específico em mente. Isso inclui a seleção do programa perfeito para maximizar os benefícios e ganhos.
  4. Planejamento tributário permissivo - planejamento que se concentra no uso de leis permissivas para obter o máximo de isenções e economia.
 

O que é gerenciamento tributário?

A gestão fiscal é um exercício que envolve a gestão das finanças pessoais, especialmente os impostos a pagar. É um procedimento de rotina que basicamente é seguido pelas pessoas para garantir o pagamento pontual dos impostos. O pagamento de impostos deve ser feito em lugar das normas e leis fiscais das economias.

O procedimento inclui o arquivamento das devoluções e a auditoria das contas. O processo é holístico, pois envolve as transações do passado, a gestão dos impostos correntes e o planejamento para o futuro. Ao contrário do planejamento tributário, não é um exercício voluntário e é essencial para todos. O não gerenciamento de impostos ou a não apresentação de devoluções pode resultar em penalidades.

Os elementos da gestão tributária são;

  1. Reduzir a renda bruta ajustada - A renda bruta ajustada é o valor sobre o qual se deve pagar imposto de renda. Um valor legalmente reduzido reduziria automaticamente os impostos a pagar.
  2. Aumentar o número de deduções fiscais - as deduções são declarações de despesas que podem ajudar a reduzir o passivo fiscal. É importante saber os tipos de deduções aplicáveis ao seu plano anual.
  3. Crédito tributário- O crédito tributário auxilia na redução do valor do imposto a pagar por meio da introdução de certas atividades que acarretam tais créditos.
  4. Planos de aposentadoria - A maneira mais fácil de acumular renda é planejar a aposentadoria com antecedência. Investidores experientes sugerem investir pelo menos 5-6 anos antes da data planejada de aposentadoria

O sistema de declaração de impostos torna-se particularmente complexo devido às várias lajes, taxas e condições. Cada laje tem diferentes tipos de isenções e condições associadas a ela. O planejamento tributário, se feito, torna-se parte do gerenciamento de tarefas. No entanto, nem todas as pessoas se envolvem no planejamento tributário. A gestão tributária permite reduzir o valor líquido pago como impostos, apresentando declarações em tempo hábil, pagando impostos antecipados e evitando penalidades, relatando às autoridades competentes.


Principais diferenças entre planejamento tributário e gestão tributária

  1. O planejamento tributário refere-se à prática de planejar as finanças para obter economia tributária ideal, enquanto a gestão tributária é a prática de evitar penalidades fazendo pagamentos pontuais de impostos. O Planejamento Tributário usa as disposições existentes para sonegar impostos desnecessários.
  2. O planejamento tributário trata de planejar e apresentar declarações de impostos, enquanto a gestão tributária trata da manutenção de registros financeiros e de impostos.
  3. O principal objetivo do planejamento tributário é reduzir os impostos a pagar para evitar encargos para o contribuinte, enquanto a gestão tributária consiste em seguir as regras do imposto de renda e fazer pagamentos pontuais.
  4. O planejamento tributário trata da redução da responsabilidade tributária, enquanto a gestão tributária trata da redução dos impostos mediante a apresentação de declarações e evitando o pagamento de multas.
  5. O planejamento tributário é uma atividade opcional, enquanto a gestão tributária é obrigatória para todos.

 

Conclusão

Os impostos são pagamentos obrigatórios que os indivíduos ou empresas precisam fazer às autoridades em questão, geralmente o governo. O dinheiro dos impostos é geralmente reinvestido no setor público para o bem-estar e o desenvolvimento das pessoas.

É dever de todos os cidadãos pagar impostos de acordo com as taxas de placa atribuídas. Os impostos podem aumentar significativamente as despesas de indivíduos ou organizações. Existem duas maneiras de lidar com essa situação.

O planejamento tributário é a prática de gestão financeira feita principalmente para reduzir a responsabilidade tributária. Isso é feito redirecionando o dinheiro tributável para outros investimentos, como planos de aposentadoria. A gestão tributária é a prática de pagamentos de impostos pontuais e consistentes. se bem feito, o gerenciamento tributário também pode ajudar a economizar dinheiro dos impostos, apresentando declarações.

É imperativo entender que as duas coisas são conceitualmente muito diferentes. O planejamento tributário ajuda a sonegar impostos legalmente. Trata-se de reduzir a responsabilidade tributária de uma pessoa física. A gestão tributária, por outro lado, consiste em manter e preencher os impostos regularmente de acordo com as leis aliadas. De acordo com os princípios de gestão tributária, o foco é reduzir o valor líquido do imposto, aproveitando os benefícios de conformidade.


Referências

  1. https://staff.blog.ui.ac.id/martani/files/2019/11/2010-corporate-governance-and-tax-management-minick-noga.pdf
  2. https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0020706311000264
x
2D vs 3D